Conceptual reading about the phenomenon of transference in psychodramatic scenes

  • Fábio Santos
  • Tatiana Torres de Vasconcelos
Keywords: psychodrama, roles, psychotherapeutic trasnference, bibliographical research

Abstract

The discussion about transference in Psychodrama, despite what has been done by Moreno and some other authors in Brazil is still developing and demonstrates a lack of refinement, especially one that is not only cited as deficiency within the telic relationship. With the aim of investigating the approach to transference in psychodramatic literature, this article presents brief considerations around the aspects related to the theme. In this work, through a bibliographic research review, it could be seen that transference held a secondary position in Psychodrama, practically and theoretically, however, that did not stop it from being part of the psychodramatic scene, even with its idiosyncrasies: on the one hand, an element of repetition, automated and ambiguous; on the other, a catalyst of the psychotherapeutic process.

Downloads

Download data is not yet available.

References

Aguiar, M. (1998). Teatro espontâneo e psicodrama. São Paulo: Ágora.

Atkinson, R. L., Atkinson, R. C., Smith, E. E., Bem, D. J. & Nolen-Hoeksema, S. (2012). Introdução à psicologia de Hilgard. São Paulo: Cengage Learning.

Bezerra, D. P. (2011). Psicodrama. In Kahhale, E. M. P. (Org.), A diversidade da psicologia: uma construção teórica. ( 4a. Ed., pp. 195-219). São Paulo: Cortez.

Bustos, D. M. (1992). Novos rumos em psicodrama. São Paulo: Ática.

Castillo, T. H. (2000). Integrações: psicoterapia psicodramática individual e bipessoal. (A. Max. Trad.). São Paulo: Ágora.

Costa, N. T. (2015). Reflexões através do psicodrama clínico sobre a adolescência e alguns conflitos psíquicos. Trabalho de conclusão de curso. Instituto de Desenvolvimento Humano (IDH), Porto Alegre, RS.

Cukier, R. (1992). Psicodrama bipessoal: sua técnica, seu terapeuta e seu paciente. (5a. Ed.). São Paulo: Ágora.

Fleury, H. J. (1999). A dinâmica de grupo e suas leis. In Almeida, W. C., Grupos: a proposta do psicodrama. (pp. 49-57). São Paulo: Ágora.

Fonseca Filho, J. S. (2010). Psicoterapia da relação: elementos de psicodrama contemporâneo. (Rev. e atual). São Paulo: Ágora.

Forghieri, Y. C. (2015). Psicologia fenomenológica: fundamentos, método e pesquisas. São Paulo: Cengage Learning.

Garfield, S. (2008). A transferência no psicodrama analítico. In Gershoni, J. (Org.), Psicodrama no século 21: aplicações clínicas e educacionais. (M. Aguiar. Trad., pp. 35-50). São Paulo: Ágora.

Gonçalves, C., Wolff, J. R. & Almeida, W. C. (1988). Lições de Psicodrama: introdução ao pensamento de J. L. Moreno. (4a. Ed.). São Paulo: Ágora.

Kellermann, P. F. (1998). O psicodrama em foco: seus aspectos terapêuticos. (E.C. Heller. Trad.). São Paulo: Ágora.

Lima, N. B. S. (1999). O processo de cura no psicodrama bipessoal. Revista Brasileira de Psicodrama, 7(1), 33-49.

Moraes Neto, A. V. (1999). Unidade funcional. In Almeida, W. C. (Org.), Grupos: a proposta do psicodrama. (pp. 59-67). São Paulo: Ágora.

Moreno, J. L. (1983). Fundamentos do psicodrama. (M. S. Mourão Neto. Trad.). São Paulo: Summus.

Moreno, J. L. (1997). Psicodrama. (A. Cabral, Trad. 12a. Ed.). São Paulo: Cultrix.

Naffah Neto, A. (1979). Psicodrama: descolonizando o imaginário. São Paulo: Brasiliense.

Tavora, M. T. (2001). Treinamento em psicoterapia individual, de grupo e de casal: um guia para supervisores e terapeutas iniciantes. [s.l.]: Programa Editorial Casa de José de Alencar.
Published
2020-01-10
How to Cite
Santos, F., & Torres de Vasconcelos, T. (2020). Conceptual reading about the phenomenon of transference in psychodramatic scenes. Revista Brasileira De Psicodrama, 24(1), 7-15. Retrieved from https://revbraspsicodrama.emnuvens.com.br/rbp/article/view/203
Section
Artigos Inéditos

Most read articles by the same author(s)