Socio-psychodramatic intervention: a particular form of exercising political power

  • Leila Maria Vieira Kim
Keywords: Social intervention, Political power, Civil society, State

Abstract

In this article, the author searches for the hiding place of the true drama, which needs to be revealed by socio-psychodramatic interventions. In order to do so, the author searches for the meaning of political power in social practices and its legitimacy through the power of knowledge. She argues for the necessity of creating ‘spaces of expression' where psychodramatists can learn to self-manage knowledge, with the participation of civil society and the support of the Estate. She proposes a project of innovative socio-psychodramatic intervention based on a model of constructive actions, which promotes the awareness of the population, and contributes to the consolidation of a political plan; allowing this to be projected into space and time, and strategic development widening such effects further out in society and time.

Downloads

Download data is not yet available.

References

ALMEIDA, C. M. C. Ato socionômico temático – Despertando consciência das ecologias pessoal, social e do ambiente natural. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 18, n. 1, p. 103-120, 2010.

AMADO, P ; MOURA, A. Psicodrama e poder: Notas sobre o papel do psicodramatista. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 3, n. 3, p. 146-151, 1995. [ Links ]

BACHELARD, G. O direito de sonhar. São Paulo: Difel, 1985. [ Links ]

BORGES, L. H. Psicodrama: descristalizando o poder. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 3, fasc. II, p. 13-23, 1995. [ Links ]

FLEURY, H. J.; MARRA, M. M. Introdução. In: ______. (Orgs.) Grupos – Intervenção socioeducativa e método sociopsicodramático. São Paulo: Ágora, 2008. p. 13-21.

FREUND apud LEBRUN, G. O que é o poder. São Paulo: Editora Brasiliense, p. 177, 1984. [ Links ]

FORNARI, F. Por uma Psicanálise das Instituições. In: KAES et al. A instituição e as instituições – Estudos psicanalíticos. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1989.

GONÇALVES, C. S. Epistemologia do Psicodrama – Uma primeira abordagem. In: AGUIAR et al. J. L. Moreno. O Psicodramaturgo. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1990. p. 105.

GREEB, M. N. Prefácio. In: MARRA, M. M.; FLEURY, H. J. (Orgs.) Grupos – Intervenção socioeducativa e método sociopsicodramático. São Paulo: Ágora, 2008. p. 7-11.

HABERMAS, J. Técnica e ciência como "ideologia". Lisboa: Edições 70, 1994. [ Links ]

KIM, L. M. V. Liderança afetiva e produtividade grupal. VIII Congresso Iberoamericano de Psicodrama. Cuba, 2011. [ Links ]

__________. Psicodrama e intervenção social. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 17, n. 2, p. 25-32, 2009. [ Links ]

KIM, L. M. V. ; TASSARA, E. T. O.; MÁXIMO, N. M. A. Racionalizando o uso da água. Programa educacional construído a partir da visão da população da cidade de São Paulo, sobre essa problemática. Projeto aprovado pela Febrap, Sabesp e Fusp. 2001. [ Links ]

LEBRUN, G. O que é o poder. São Paulo: Abril Cultural/Editora Brasiliense, 1984. [ Links ]

MONTEIRO, R. F. Teatro espontâneo: um ato político. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 12, n. 1, p. 33, 44, 2004. [ Links ]

MORENO, J. L. Psicodrama. São Paulo: Cultrix, p. 393-443, 1993. [ Links ]

MOTTA, J. M. C.; ESTEVES, M. E. R.; ALVES, L. F. Psicodrama público: um projeto social em Campinas. Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 19, n. 2, p. 33- 39, 2011. [ Links ]

NAFFAH NETO, A. Psicodrama – Descolonizando o imaginário. São Paulo: Editora Brasiliense, p. 133, 1979.

PARSONS apud LEBRUN, G. O que é o Poder. São Paulo: Ed. Brasiliense, p. 177, 1984. [ Links ]

RODRIGUES, R. Quadro de referência para intervenções grupais: Revista Brasileira de Psicodrama. São Paulo, v. 16, n. 1, p. 75-91, 2008. [ Links ]

WEBER, M. Economia e sociedade. Fundamentos da sociologia compreensiva. v. 1. São Paulo: Editora UNB, p. 32-35, 2004. [ Links ]
Published
2020-01-16
How to Cite
Maria Vieira Kim, L. (2020). Socio-psychodramatic intervention: a particular form of exercising political power. Revista Brasileira De Psicodrama, 21(1), 25-38. Retrieved from https://revbraspsicodrama.emnuvens.com.br/rbp/article/view/314
Section
Artigos Inéditos